New Translator....

Seguidores

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

D’oro I


D’oro I

Se você acha que não tem encanto
Desculpe nisso falta auto-estima
Tenha certeza que provoca espanto
Pois é mãe, menina-moça fina
De corpo felino, muito linda e pronta
Agora nessa idade mágica confirma
Que se destaca entre muitas
Vence todos os confrontos
Mas não se engane, não é só beleza
Sublime visual e muita paixão
E alto astral
Solta, gosta de areia e mar
Sempre foi sereia do bem ou mau
Tem personalidade, cabelos curtos
Uma imagem e muitos vultos
Mas na presença dela há um brilho
Algo diferente
Parece para os olhos um presente
Espero que nunca fique ausente

Ulisses Reis®
13/12/08


Um comentário:

cardia disse...


Lindo poema, retrata acho que o sentimento da maioria das mulheres que se deixam levar por opiniões alheias. Se por outro lado ela se olhasse ao espelho veria mulher linda, maravilhosa, guerreira, vencedora que é...
Beijos
Carmen