New Translator....

Seguidores

domingo, 9 de agosto de 2009

Vania I

Vania I

Ontem Vânia surpreendeu

Estava belíssima, mas sempre atrevida

Roupa de mulher jovem

Eu, olhares e palavras pobres

Mas as curvas presentes

O ar de menina-sapeca, ardente

Ela é um sonho da cor de canela

Eu poderia viajar ao lado dela

Seria como acordar e ter flores

Na janela

Queria poder ver em Tiradentes

Como age, como é realmente

Sempre sorrindo alegremente

Sem firulas, nem marolas

Ondas grandes eternamente

Que caminho, posso ter

Para perto com ela resolver

Acho que poucas vezes verei

Uma mulher conter

Beleza e destreza

Harmonia e menina

Safadeza e maciez

Tudo é talvez

Ulisses Reis®

22/07/2009



Um comentário:

Gata disse...

sim poucas mulheres tem o dom de exalar aromas encantadores e viciantes !!!!!!! beijos